Isolamento e identificação sorológica de Escherichia coli enteropatogênica em leite pasteurizado

O leite pasteurizado é classificado de acordo com o conteúdo de gordura e contagem microbiológica em A, B e C. Em um estudo feito com três marcas de leite, foi analisada a contagem bacteriana dos leites do tipo B e C.

Lembrando que as bactérias coliformes no leite e produtos lácteos é um indicador da má condição sanitária, práticas na produção, processamento e estocagem do produto. A E. coli é usada como índice de infecção fecal sugestiva de outros microorganismos de origem, incluindo patógenos, sendo responsável por vários surtos de diarréia em adultos e crianças após ingestão de alimentos e água contaminados.

As amostras foram compradas em supermercados e padarias do Rio de Janeiro, levadas ao laboratório e processadas por cerca de 2 horas.

De 90 amostras de leite das três marcas (I, II e III) que estavam em conformidade com a Secretaria Nacional de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde, o leite tipo C da marca I mostrou estar dentro do padrão da Vigilância Sanitária, enquanto que o tipo B da mesma marca continha psicotrófilo e termófilo com contagem acima do valor permitido. E as amostras dos leites B e C das outras marcas (II e III) obtiveram contagem de microorganismos acima do valor permitido para todos os microorganismos indicadores.

Foram isoladas colônias de E. coli e identificadas cepas EPEC (E. coli enteropatogênicas) por meio de aglutinação com anti soros polivalente e monovalente.

As cepas de EPEC predominante nas marcas II e III, os tipo B e C tiveram um nível elevado de coliformes. Na marca I cepas de EPEC foram encontradas, mas foi a única marca que ficou próxima ao valor permitido.

O sorogrupo de EPEC predominante foi O55 sendo ele um responsável por diarréias em crianças no Brasil.

Este estudo mostrou que, através da análise microbiológica do leite pasteurizado, as marcas não estão seguindo os valores máximos permitidos pela Vigilância Sanitária, e que as condições sanitárias e de higiene dos estabelecimentos estão deficientes.

Tatiana Oliveira

Referência:

  • Isolation and serological identification of enteropathogenic Escherichia coli in pasteurized milk in Brazil. Url: (Clique aqui)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: